Expanda seus horizontes: dicas para aprender idiomas sozinho

Aprender novos idiomas expande horizontes, dissipa fronteiras, lhe dá o mundo de bandeja, e pode ser muito, muito fácil. Espia as nossas dicas para aprender idiomas sozinho, de forma prática e barata, e ganhar o mundo:

 

dicas-aprender-idiomas-thora-torresani-1

Determine metas! Para começar a aprender qualquer idioma sozinho, é importante definir um plano de estudos. (Imagem: Pexels)

 

  1. Determine metas! Para começar a aprender qualquer idioma sozinho, é importante definir um plano de estudos e, mais importante ainda, cumpri-lo. Determine que você estudará 30 minutos todos os dias. 10 pela manhã, 10 pela tarde, 10 pela noite. E que, no final de 1 semana, irá recapitular tudo aquilo que aprendeu. 
  2. Organize seu tempo! Toda hora é hora de aprender um novo idioma.. No trânsito a caminho do trabalho, o café da tarde, a pausa para a soneca. Todos estes são momentos que podem ser melhor aproveitados para aprender italiano, francês, alemão ou o que você tiver vontade. 
  3. Seja disciplinado! É importante manter a rotina de estudos, sempre recapitulando o que foi aprendido, e não pular um dia sequer. Bateu preguiça? Manda ela pra longe e foque na sua meta. Afinal, nada mais motivador do que se imaginar em Paris falando francês fluente, não é não? 
  4. Aprenda e divirta-se! O tédio é um fator que dificulta a aprendizagem, por isso uma sugestão importante é encarar os estudos de forma divertida. Para isso a tecnologia é a nossa aliada! Aplicativos como o Duolingo, que ensina francês, italiano, inglês, alemão e português, ou o Rosetta Stone, que disponibiliza cursos básicos de alemão, tcheco, chinês, coreano, espanhol, francês, holandês, inglês, italiano, japonês, polonês, russo, sueco e turco, são ótimas formas de manter a monotonia distante. 
  5. Coloque em prática! De nada adianta aprender uma nova língua se não for usá-la. Leia livros nesse idioma, converse com pessoas que falem fluentemente esta língua, viaje! E jamais tenha medo de errar! Erros fazem parte do processo de aprendizagem e não há motivo para se envergonhar.

 

dicas-aprender-idiomas-thora-torresani-3

Coloque em prática o idioma que você está aprendendo: leia livros, veja filmes e viaje! (Imagem: Pexels)

 

E aí, gostou das nossas dicas? Quem sabe esse seja o empurrãozinho que você precisava para conhecer os mais diversos e incríveis lugares deste mundão, como o sul da Itália e o noroeste da França, lugares que de tão, tão fantásticos, inspiraram 2 de nossos empreendimentos imobiliários: o Edifício Costa Amalfitana e o Edifício Costa da Bretanha.

ENTRE EM CONTATO

O nosso lar traduz quem nós somos. Se você se interessou por um de nossos empreendimentos, preencha o formulário que, em breve, entraremos em contato.

Pin It on Pinterest