10 erros letais que os investidores de imóveis cometem

A atual crise econômica influenciou o mercado imobiliário e trouxe com ela novas oportunidades de negócio: os preços caíram ou se mantiveram estáveis, as condições de pagamento se tornaram mais flexíveis e há um bom volume de produtos disponíveis. Com isso, investir em imóveis se torna uma ideia cada vez mais atraente, mas, como tudo o que envolve dinheiro, há um caminho certo e um caminho errado.

A Bankrate listou os 10 principais erros que os investidores de imóveis cometem. Armadilhas que podem, inclusive, ser letais. São eles:

1. Falta de planejamento
Este é um dos erros mais cometidos pelos investidores, principalmente iniciantes e inexperientes. Nunca compre um imóvel sem antes saber o que você irá fazer com ele. Primeiro faça um planejamento detalhado, pense a longo prazo, pesquise opções, converse com especialistas e só então parta para o contrato. Neste post trouxemos dicas valiosas com 5 atitudes de todo investidor imobiliário de sucesso.

 
2. Achar que vai ganhar dinheiro rápido
Comprar um imóvel para alugar ou para vender no futuro é um investimento de baixo risco e de longo prazo. Por este mesmo motivo é preciso paciência para obter o retorno desejado.

 
3. Bancar o MacGyver
A menos que você seja um investidor experiente, investir em imóveis sem a ajuda de outros profissionais pode ser perigoso! Monte o seu time com pelo menos um consultor imobiliário, um avaliador, um advogado e um credor, tanto para a compra quanto para a venda de um imóvel.

 
4. Investir mais do que recebe
Outro motivo que leva os investidores ao fracasso é comprometer demais a sua renda na compra de um imóvel. O ideal é que o financiamento não ultrapasse 30% da renda mensal, do contrário, corre-se o risco de tornar-se insustentável.

 
5. Não fazer o dever de casa
Depois de planejar, analisar opções e fechar negócio, muitos investidores deixam de acompanhar o investimento. Eles não fazem manutenções, não estudam o mercado, não se atualizam. Simplesmente largam a casa ou o apartamento na imobiliária e esperam que a corretora faça todo o serviço. Mas não é bem assim. Se você quer ser um investidor de sucesso neste ramo precisa estar informado, atento as novidades do mercado, agendar reuniões mensais com o seu time para buscar melhorias e caminhar lado a lado.

 

6. Não ter agilidade
Investidores novatos podem fechar negócio sem muita pesquisa e sem formar um time completo. Mais para frente, quando o imóvel precisar de acompanhamento, isto poderá se tornar um problema e seu tempo de resposta será muito mais lento.

 
7. Investir em uma única opção
Se você está trabalhando com um único imóvel e este é o seu único tipo de investimento, você está fazendo transações e não negócios. Você precisa de um volume suficiente de investimentos para avaliá-los, compará-los,  eliminar as opções que não são tão boas e prosperar com aquelas que dão mais retorno. Faça o seu dinheiro trabalhar por você.

 
8. Interpretar mal o fluxo de caixa.
Se a sua estratégia é comprar, manter e alugar imóveis, você precisa de um fluxo de caixa que seja suficiente para cobrir as manutenções. Avalie também as taxas cobradas pelas consultoras, os impostos, o seguro, custos com divulgação, condomínio, reformas…

 
9. Ter apenas um plano
Muitos investidores adquirem um imóvel sem ter um plano B, um plano C ou até um plano D. Você precisa de duas ou mais maneiras de sair de qualquer negócio se, porventura, ele deixar de ser vantajoso em algum momento.

 
10. Expectativas erradas
Com uma equipe de profissionais ao seu lado e com um bom planejamento, as chances do seu investimento não corresponder as suas expectativas são bem menores. Como dissemos no item 5, não deixe de fazer a lição de casa: estude, pesquise e busque a opinião de outras pessoas do ramo.

 
A Thora Torresani possui um novo empreendimento no Saguaçu, um bairro nobre em Joinville. São apartamentos de alto padrão, a partir de 146m² com 2 ou 3 suítes e 2 ou 3 vagas de garagem. O edifício, chamado de Costa da Bretanha, possui apenas 8 unidades e as obras já foram iniciadas.  Clique aqui e veja mais detalhes. Se você está pensando em investir num imóvel, vale a pena conversar com nossos consultores: (47) 3481-5555.

5 atitudes de todo investidor imobiliário de sucesso

Quem investe em imóveis, geralmente, possui um perfil conservador. São pessoas que não gostam de correr riscos e preferem ter mais controle sobre o próprio dinheiro.  Neste contexto há basicamente dois tipos de investimento: comprar para vender ou comprar para alugar. Seja qual for a sua escolha, algumas atitudes são indispensáveis para garantir o sucesso do seu investimento:

 

  1. Defina para quem você quer vender ou alugar o seu imóvel

Enquanto os solteiros e aposentados preferem imóveis menores com 01 ou 02 quartos, casais com filhos optam por imóveis maiores com 02 ou mais quartos. Por este motivo, defina um “público-alvo” para o seu investimento e escolha um imóvel que tenha mais chances de atender às necessidades dele. O Edifício Costa da Bretanha, por exemplo, possui unidades com 02 ou 03 suítes, ideal para famílias ou casais da melhor idade que costumam receber os filhos adulto em casa.

 

  1. Preste atenção à localização

Outro ponto muito importante é o bairro e a rua onde está localizado o imóvel. Se ele estiver próximo a mercados, padarias, farmácias e outras facilidades que sejam de interesse do público escolhido, mais rápido ele será alugado ou vendido. Pense a longo prazo e busque informações sobre a região escolhida. Se ela tende a se valorizar com o tempo, o imóvel é ainda mais interessante. A Thora Torresani escolheu o bairro Saguaçu para acolher seus empreendimentos. Esta é uma das melhores regiões residenciais de Joinville. Um bairro seguro e tranquilo, próximo ao Centro e à Zona Industrial Norte.

 

  1. Histórico da incorporadora

Um imóvel, seja ele uma casa ou apartamento, é um investimento que deve durar toda a vida. Portanto, deve ser resistente às mudanças climáticas e ao efeito do tempo. Construtoras e incorporadoras confiáveis não vão medir esforços para garantir a qualidade dos seus empreendimentos, então você precisa investigar o histórico da empresa. Colete informações na internet, visite grupos de discussão, converse com amigos que já tiveram contato com a marca.

 

A Thora Torresani pode até ser nova em Joinville (chegamos aqui há 3 anos), mas fazemos parte de uma família com mais de 25 anos de história: o Grupo Torresani, com sede em Blumenau.

 

  1. Tenha uma previsão do valor futuro de locação do imóvel ou do valor de venda.

Este ponto é importantíssimo, afinal, queremos que você lucre no futuro, certo? Para isso, converse com o corretor e faça projeções.

 

  1. Esteja 100% convencido

Para quem investe em ações, ter 100% de convencimento de que elas trarão um retorno a altura do que é esperado é complicado, já que a análise é mais complexa e cheia de nuances. Mas para quem investe em imóveis esta quantificação é mais simples. Todo mundo precisa de um lugar para morar, logo, a probabilidade de você vender o seu investimento por quedas de preço é menor do que quem tem uma carteira de ações.

 

Pense com calma, analise todas as possibilidades, converse com diferentes corretores até que você esteja 100% convencido de que aquele imóvel é um bom negócio para, então preparar a papelada!

Qual é o melhor tipo de imóvel para os aposentados?

A melhor idade traz novos desafios, mas também novas motivações. Com os filhos crescidos e fora de casa, há mais tempo livre para se dedicar a atividades prazerosas como viagens, jardinagem, aulas de yoga  e até mesmo a abertura de novos negócios para aqueles com o espírito empreendedor. Esta mudança de estilo de vida implica na busca por um novo lar, um espaço para viver com mais tranquilidade e exclusividade.  Mais seguros e mais privativos, os apartamentos acabam se tornando a principal escolha dos aposentados.

 

pexels-photo

(Imagem: Pexels)

Foi pensando também neste público que nós idealizamos o Edifício Costa da Bretanha, um empreendimento com apenas 8 unidades, localizado na Rua Adoniram Barbosa, no bairro Saguaçu, em Joinville. Esta é uma região residencial, bastante pacata e com uma ótima localização, estando há apenas 10 minutos do Centro.

 

thora-torresani-costa-da-bretanha-localizacao1

edificio-costa-da-bretanha-thora-torresani-joinville-saguacu-lancamento

Mas não é só no endereço que nós temos que prestar atenção: o tamanho da área privativa é fundamental para garantir o conforto dos moradores. No caso do Ed. Costa da Bretanha, cada unidade possui a partir de 146m², todas elas com um espaço gourmet particular acoplado à área social – perfeito para receber a família e os amigos mais próximos. As plantas também podem ser customizadas, adicionando um closet à suíte, por exemplo. 

suitecomcloset-landing

Outro ponto de destaque do empreendimento é a vista espetacular e privilegiada que ele possui da Serra do Mar de todos os seus andares.

 

Para aqueles que pretendem se mudar para a casa dos filhos, a compra de um apartamento pode servir como uma fonte de renda extra. Vale lembrar que os aposentados possuem condições diferenciadas de financiamento habitacional junto aos bancos. Converse com nossos corretores e reinvente-se.

A história do La Jument, o farol francês mais famoso do mundo

O Edifício Costa da Bretanha, empreendimento que lançamos no mês passado, foi inspirado na costa noroeste francesa, onde fica o Mar Iroise e uma série de faróis. Eles foram construídos para guiar os marinheiros pelas ondas gigantescas que ali se formam. O mais famoso deles é o La Jument, construído entre 1904 e 1911 há 2 kilômetros da ilha de Ousseant.

A imagem mais conhecida deste farol foi capturada pelo fotógrafo Jean Guichard em 1989 e registra o exato momento em que uma onda gigantesca o acerta em cheio. Na porta, está o faloeiro Theophile Malgorn que, ao escutar um trovejar seco (o impacto da onda contra a frente do farol), entrou rapidamente. Estava vivo por um milagre. A ação completa durou apenas alguns segundos, o suficiente para Guichard, que estava sobrevoando a área, disparar seguidamente a sua câmera e registrar este incrível momento!

farol-la-jument-costa-da-bretanha-frança

Uma das fotografias mais famosas do La Jument, registrada pelo fotógrafo Jean Guichard, em 1989.

Nove fotografias ficaram impressas no filme e o tornaram Jean Guichard um fotógrafo mundialmente famoso. Em 1990 ele recebeu o segundo lugar no World Press Photo – o primeiro lugar foi para Charles Cole e sua impactante fotografia do manifestante chinês que enfrentou tanques de guerra na praça Tianammen, em Beijing, China, em 1989.

 

Embora o La Jument tenha ficado mundialmente conhecido, Malgorn não ficou muito contente. Dizem que ele ficou muito irritado com aquele momento, pois o colocaram em perigo por um motivo comercial. Ele só abriu a porta para ver o que estava acontecendo pois ouviu o som do helicóptero se aproximando. Mas, pouco tempo depois, o fotógrafo Jean Guichard o visitou e lhe deu de presente uma das fotos do “momento decisivo” autografada. Hoje o La Jument é um farol automático e Theophile trabalha no farol de Creac’h, também em Ouessant.

(Fonte da história: El País)

 

Inspirados por esta história de aventura, lhe convidamos para conhecer um empreendimento sem igual em Joinville – e longe de mares tempestuosos, rs! O Ed. Costa da Bretanha será construído no bairro Saguaçú e possui apenas 8 unidades: 6 apartamentos com 146m² e duas coberturas com 160m² cada. Explore o mundo lá fora, viva experiências incríveis! Quando você voltar para casa, todo o conforto e privacidade que você precisa estarão à sua espera.

Thora Torresani comemora entrega das chaves de seu primeiro imóvel em Joinville

No final de julho entregamos as chaves do Edifício Costa Amalfitana, nosso primeiro empreendimento em Joinville, localizado na Rua Iririu, 195, bairro Saguaçu. São 70 apartamentos com 149m² privativos, além de várias áreas comuns como salão de festas, espaço gourmet, salão de jogos, academia, piscina, brinquedoteca e playground.

Como cerimônia de entrega tivemos um coquetel no próprio empreendimento, reunindo clientes, corretores, diretores do Grupo Torresani e a nossa equipe de colaboradores. Clique aqui para visualizar todas as fotos, capturadas pelas lentes do fotógrafo Pablo Teixeira.

 

_MG_0175

_MG_0016 copy

_MG_0155 (1)

_MG_0151

_MG_0072

_MG_0057

_MG_0052

_MG_0055

_MG_0063

_MG_0067

_MG_0070

_MG_0076

_MG_0082

_MG_0171

_MG_0166

_MG_0089

_MG_0078

Expanda seus horizontes: dicas para aprender idiomas sozinho

Aprender novos idiomas expande horizontes, dissipa fronteiras, lhe dá o mundo de bandeja, e pode ser muito, muito fácil. Espia as nossas dicas para aprender idiomas sozinho, de forma prática e barata, e ganhar o mundo:

 

dicas-aprender-idiomas-thora-torresani-1

Determine metas! Para começar a aprender qualquer idioma sozinho, é importante definir um plano de estudos. (Imagem: Pexels)

 

  1. Determine metas! Para começar a aprender qualquer idioma sozinho, é importante definir um plano de estudos e, mais importante ainda, cumpri-lo. Determine que você estudará 30 minutos todos os dias. 10 pela manhã, 10 pela tarde, 10 pela noite. E que, no final de 1 semana, irá recapitular tudo aquilo que aprendeu. 
  2. Organize seu tempo! Toda hora é hora de aprender um novo idioma.. No trânsito a caminho do trabalho, o café da tarde, a pausa para a soneca. Todos estes são momentos que podem ser melhor aproveitados para aprender italiano, francês, alemão ou o que você tiver vontade. 
  3. Seja disciplinado! É importante manter a rotina de estudos, sempre recapitulando o que foi aprendido, e não pular um dia sequer. Bateu preguiça? Manda ela pra longe e foque na sua meta. Afinal, nada mais motivador do que se imaginar em Paris falando francês fluente, não é não? 
  4. Aprenda e divirta-se! O tédio é um fator que dificulta a aprendizagem, por isso uma sugestão importante é encarar os estudos de forma divertida. Para isso a tecnologia é a nossa aliada! Aplicativos como o Duolingo, que ensina francês, italiano, inglês, alemão e português, ou o Rosetta Stone, que disponibiliza cursos básicos de alemão, tcheco, chinês, coreano, espanhol, francês, holandês, inglês, italiano, japonês, polonês, russo, sueco e turco, são ótimas formas de manter a monotonia distante. 
  5. Coloque em prática! De nada adianta aprender uma nova língua se não for usá-la. Leia livros nesse idioma, converse com pessoas que falem fluentemente esta língua, viaje! E jamais tenha medo de errar! Erros fazem parte do processo de aprendizagem e não há motivo para se envergonhar.

 

dicas-aprender-idiomas-thora-torresani-3

Coloque em prática o idioma que você está aprendendo: leia livros, veja filmes e viaje! (Imagem: Pexels)

 

E aí, gostou das nossas dicas? Quem sabe esse seja o empurrãozinho que você precisava para conhecer os mais diversos e incríveis lugares deste mundão, como o sul da Itália e o noroeste da França, lugares que de tão, tão fantásticos, inspiraram 2 de nossos empreendimentos imobiliários: o Edifício Costa Amalfitana e o Edifício Costa da Bretanha.

Você em contato com a natureza: Ed. Costa da Bretanha, vizinho da Serra do Mar

O Edifício Costa da Bretanha, em Joinville, possui vista para a Serra do Mar.

De um lado, cafés, restaurantes, lojas. De outro, uma vista exclusiva da verde e bela Serra do Mar. O Edifício Costa da Bretanha tem uma localização privilegiada e todos os seus 8 apartamentos foram pensados para ressaltar ao máximo isso!

 

O Edifício Costa da Bretanha, em Joinville, possui vista para a Serra do Mar.

O Edifício Costa da Bretanha, em Joinville, possui vista para a Serra do Mar.

 

Localizado no nobre bairro Saguaçu, mais precisamente na Rua Adoniran Barbosa, no 260, em Joinville, o Costa da Bretanha, o mais novo lançamento da Thora Torresani, possui uma vizinhança sossegada e cômoda, perto de tudo que você precisa. E se o que você precisa também é entrar em contato com a natureza através de uma paisagem relaxante, saiba que o residencial foi projetado para que os moradores desfrutem de uma vista singular da Serra do Mar.

 

thora-torresani-costa-da-bretanha-localizacao-saguaçu

No mapa: a localização do Ed. Costa da Bretanha, novo empreendimento da Thora Torresani no bairro Saguaçu.

 

A Serra do Mar atravessa o Caminho dos Príncipes e, além de encantar pela beleza única, oferece emoção e lazer. É em Rio Negrinho, nas proximidades de Joinville, por exemplo, que você pode embarcar em um trem a vapor e percorrer 45km Serra abaixo, passando por pontes, túneis e rios.

 

Outra opção de ecoturismo para realizar na região é seguir a Rota das Cachoeiras, englobada pela Reserva do Patrimônio Natural Emílio Fiorentino Battistela, e vislumbrar o show de nada mais nada menos que 14 quedas d’água!

thora-torresani-costa-da-bretanha-joinville-serra-do-mar-passeio-de-trem

Em Rio Negrinho é possível fazer um passeio de trem à vapor pela Serra do Mar.

 

De tirar o fôlego, com certeza, além dos apartamentos, com 146m2 privativos e 3 suítes, e as coberturas, com 153m2 privativos e 2 suítes, o espaço gourmet previsto em cada uma das unidades, o salão de festas, hall de entrada decorado, garagens e depósitos, a paisagem exclusiva e natural da Serra do Mar torna o Costa da Bretanha um empreendimento ainda mais diferenciado.

 

Para mais informações, veja o nosso catálogo virtual e entre em contato.

Edifício Costa da Bretanha, seu porto seguro em Joinville.

Edifício Costa da Bretanha, seu porto seguro em Joinville.

Thora Torresani lança novo empreendimento em Joinville

Edifício Costa da Bretanha, seu porto seguro em Joinville.

Entre as águas do Oceano Atlântico e do Canal da Mancha fica a Costa da Bretanha, uma região ao noroeste da França com paisagens de tirar o fôlego. Lá foram construídos mais de um terço dos faróis franceses, guiando e protegendo os navegadores em meio as ondas imponentes. Inspirados por este espírito de aventura, idealizamos o Edifício Costa da Bretanha, o seu porto seguro em Joinville.

 

Edifício Costa da Bretanha, seu porto seguro em Joinville.

Edifício Costa da Bretanha, seu porto seguro em Joinville.

 

Localizado na Rua Adoniran Barbosa, no bairro Saguaçu, o empreendimento possui apenas 8 unidades e é rodeado por uma vizinhança tranquila, com uma vista privilegiada da Serra do Mar.

O Ed. Costa da Bretanha possui vista privilegiada para a Serra do Mar, em Joinville.

O Ed. Costa da Bretanha possui vista privilegiada para a Serra do Mar, em Joinville.

 

Os apartamentos, com 149m² privativos e 3 suítes, e as coberturas, com 153m² privativos e 2 súteis, possuem espaço gourmet particular e plantas com paredes flexíveis, que podem ser removidas de acordo com a necessidade do cliente. Na garagem, os futuros moradores podem optar por 2, 3 ou mais vagas.

Sala ampliada com cozinha e espaço gourmet particular.

Sala ampliada com cozinha e espaço gourmet particular.

 

suite com closet

Suíte com closet: praticidade no dia a dia.

 

Quanto às áreas comuns, temos hall de entrada e salão de festas, ambos mobiliados, decorados e revestidos com piso porcelanato que, somados à arquitetura elegante e moderna do prédio, fazem do Edifício Costa da Bretanha  um lugar para onde sempre se quer voltar depois de uma aventura pelo mundo lá fora.

salao de festas

Salão de festas mobiliado e decorado para receber amigos e familiares com tudo ao seu alcance.

 

hall-costa-bretanha

Hall de entrada do Edifício Costa da Bretanha

Para mais informações, veja nosso catálogo virtual e entre em contato.

 

*De acordo com a lei nº4591/64, informamos que imagens, ilustrações e móveis contidas neste material têm caráter exclusivamente promocional. Os acabamento serão de conformidade com o Memorial Descritivo, que fará parte integrante do contrato.

Lugares que inspiram: as cidades medievais e o espírito mágico da Bretanha

A Thora Torresani está se preparando para lançar seu segundo empreendimento em Joinville: o Edifício Costa da Bretanha, inspirado pela força da natureza e pela beleza dos faróis do noroeste francês.
Esta jornada começa no bairro Saguaçu, com vista para a serra e 149m² de área privativa por apartamento. Mas antes de entrarmos em mais detalhes sobre o empreendimento, vamos lhe contar um pouco mais sobre a região na qual ele se refere.

 

 

Reconhecida por suas lendas e herança histórica, a Bretanha é uma das 6 nações celtas, entre Canal da Mancha e o Oceano Atlântico. Há quem a divida entre “Bretanha Verde” e “Bretanha Azul“. A primeira é a do interior, a Bretanha do coração. Aqui temos bosques que guardam mistérios, aldeias e cidades medievais, como a capital Rennes, que não perderam sua identidade ancestral.

 

Uma foto publicada por Rennes à coup de coeur (@rennesacoupdecoeur) em

Uma foto publicada por Rennes à coup de coeur (@rennesacoupdecoeur) em

 

A segunda é a Bretanha do mar, inspiração para os artistas. Seus pontos mais visitados são a Costa da Esmeralda, a Costa Selvagem e a Costa Granito Rosa, também conhecida como Costa das Lendas.

E por falar em lendas, o Museu das Artes em Pont-Aven é o local perfeito para contemplar obras de pintores que buscaram imortalizar o espírito mágico da região.

 

Uma foto publicada por l.tran (@saint_schiaperell) em

 

Se você planeja visitar a Europa durante o verão, este é um passeio delicioso para se fazer de carro, contornando as praias bretãs e visitando as simpáticas cidadezinhas compostas por pequenas casas de pedra. Há também edificações maiores, como a fortaleza de Saint-Malo, que era um ponto de defesa contra os ataques vindos do mar, principalmente da Inglaterra.

 

Uma foto publicada por Stephen Taylor (@sftphotography) em

Uma foto publicada por Allen Fang (@fckallen) em

 

O mar da Costa da Bretanha é peculiarmente belo: suas águas são verdes, apesar de frias para os nossos padrões brasileiros. Muitas delas não contam com nenhum tipo de vendedor ou quiosque, portanto, leve a sua própria comida. Isso, na verdade, não chega a ser um problema, pois você pode parar em qualquer mercearia francesa e encontrar ótimas opções de frutas e sucos, pães, queijos e patês incríveis!

 

Uma foto publicada por marine1679 (@marine1679) em

Como já dissemos, a Bretanha é marcada pelas suas tradições. A culinária, portanto, não poderia ficar de fora. Entre as especialidades estão as galettes (uma espécie de bolacha recheada com geléia de fruta), chá de cidra, chouchem (uma bebida alcoólica feita a base de mel), mariscos, kig ha farz (um cozido de carne de porco e bovina com vegetais), far breton (um pudim doce) e o requisitado bolo kouign-aman.

 

Uma foto publicada por 🍋 Natalie (@nat_and_cake) em

 

Todas estas particularidades fazem da Costa da Bretanha um destino especial, embora não muito popular entre os brasileiros.

5 passeios imperdíveis na Costa Amalfitana

Ah, o sul da Itália! Um dos destinos mais românticos e deslumbrantes de toda a Europa. Se você está pensando em visitar o solo italiano, não pode deixar de conhecer a Costa Amalfitana, que inspirou nosso primeiro empreendimento em Joinville. Ao longo deste post faremos 5 paradas em 5 locais imperdíveis, que poderão servir como guia para sua viagem. Preparadx? Então vamos lá!

Uma foto publicada por 👻 snap: helorighetto (@helorighetto) em

 

Em Amalfi não encontramos longas faixas de areia, mas sim pequenas praias entre paredes rochosas, escadarias e várias trilhas ao longo da Costa. As praias de Marina del Cantone, em Nerano, são as primeiras do mapa, com águas cristalinas e frescas.

Nesta mesma baía temos uma trilha de 15 minutos que nos leva à Recommone, nossa segunda parada, onde encontramos duas grutas: a Gruta de Recommone e a Gruta dos Pescadores.

Uma foto publicada por 👻 snap: helorighetto (@helorighetto) em

 

Nossa terceira parada é em Positano, onde temos a badalada praia Marina Grande. Mas, se você não gosta de agito, pode curtir as praias Fornillo, Laurito e Arienzo, mais sossegadas e igualmente lindas. É nesta região onde encontramos as famosas imagens dos cartões postais. 😉

Uma foto publicada por Martin (@mdesc) em

 

Uma foto publicada por Aprendiz De Viajante (@aprendizdeviajante_) em

 

Mais ao Centro da Costa Amalftiana temos Praiano, com as únicas praias que ficam iluminadas pelo sol até o final da tarde; e Fiorde de Furore, onde todos os anos, no primeiro domingo de julho, acontece uma competição de saltos na água.

Uma foto publicada por Michelle 💗🌍 (@michellelouise90) em


Por mim, ao sul de Amalfi, encontramos La Crespella, uma praia com uma torre do século XVI de frente para as rochas Due Fratelli. A região é bastante tranquila, ótima para quem tem crianças.

Uma foto publicada por Sharon🌹 (@_sharon_x_marino_) em

 

Se você ficou com vontade de conhecer este lugar incrível, aí vão quatro dicas importantes:

  1. Em algumas praias da Costa da Amalfitana é preciso pagar para você estender a sua toalha. Em Positano, por exemplo, paga-se 15 euros por pessoa para ficar o dia inteiro. O bom é que eles aceitam cartão de crédito!

 

  1. De barco, carro ou transporte público, a região é fácil de se movimentar, mas nós indicamos que você defina bem seu roteiro antes de iniciar sua viagem, incluindo tantos outros lugares incríveis que existem por lá além destes que apresentamos aqui.
  1. A melhor época para visitar o sul da Itália é de março a outubro, que é quando tempos o verão e as temperaturas mais amenas da primavera e outono.

 

  1. E não deixe, é claro, de conhecer nosso empreendimento, que é um pedacinho da Itália em pleno Saguaçu
Residencial Costa Amalftiana, no bairro Saguaçu, em Joinville.

Residencial Costa Amalftiana, no bairro Saguaçu, em Joinville.

ENTRE EM CONTATO

O nosso lar traduz quem nós somos. Se você se interessou por um de nossos empreendimentos, preencha o formulário que, em breve, entraremos em contato.